Estado:

Amazonas
Divisão:

Nenhuma

Manaus (AM)
Cidade

Década de 50
Data de Fundação

Extinta
Situação da Equipe

Desconhecida

Reputação

Desconhecido
Mascote

Labor

Labor Esporte Clube
Web: Não tem

O “Pavão de Constantinópolis” foi fundado por funcionários da Usina Labor. A sua Sede e o Estádio Otilio Farias (antigo Campo Uzinal) ficavam situados nos fundos da Usina Labor, no Bairro de Constantinópolis, atual Educandos.
Extinto por volta de 1965. O seu maior rival era o Educandos Atlético Clube. O Labor participou de cinco edições do Campeonato Amazonense da 1ª Divisão: 1957, 1958, 1959, 1962 e 1963.
O Labor dirigiu um pedido para a F.A.D.A. (Federação Amazonense de Desportos Atléticos), no dia 29 de maio de 1957, a fim de debutar no Campeonato Amazonense da 1ª Divisão daquele ano. Dois dias depois a entidade máxima do futebol Baré aceitou.
O que foi especulado na época é que o principal fator que ajudou o Labor a ingressar foi o seu estádio, uma vez que existia uma escassez de bons estádios, e como o Labor contava com o “Alçapão de Constantinopolis”, facilitou a decisão ser favorável ao ingresso a Primeira Divisão.
No entanto, tal decisão acarretou descontentamentos de outras equipes, como por exemplo, do Climax, da 2ª Divisão, que pediu o seu desligamento da F.AD.A. por se sentir desprestigiada.
Após toda a celeuma, o Labor realizou um amistoso nos seus domínios, diante do tradicional Nacional, então Vice-campeão Estadual de 1956, em 1957. E o Labor mostrou que não se limitava apenas a ter um bom estádio. No final da peleja, goleou o Nacional por 4x1. Vale registrar que antes desta partida, o Labor havia enfrentado o Fast Club por duas vezes, no seu campo, e também saiu invicto, foram dois empates.
Além do Labor, outras quatro equipes conseguiram adentrar na Elite Amazonense: Clipper, Atlético Guanabara, Barés e Independência Futebol Clube. Com isso, o Estadual de 1957 contou com a participação de 14 clubes, todos da capital Manaus.
Ainda em 1957, o Labor realizou a sua primeira partida em nível nacional. O clube enfrentou a Seleção do Acre, no Estádio Parque Amazonas, em Manaus. No final, melhor para os Acrianos que venceram por 3x2. Foi campeão do Torneio Início Amazonense Juvenil de 1960 e campeão da Série B, de 1961.
Em 1964, o Labor deixou o profissionalismo. Disputou o Campeonato Manauara de Amadores, também sob a tutela da F.A.D.A. Após essa competição o Labor foi gradativamente sumindo do noticiário até se extinguir.

Pesquisa: Sérgio Mello


Uniformes

Estádio
Campo Uzinal
Estádio Otilio Farias
Manaus (AM)

1.000 pessoas
Capacidade
Desconhecido
Inauguração
Demolido
Demolido
Labor EC
Proprietário
 
 

Títulos

Estaduais:
1 Campeonato Amazonense da 2ª Divisão: 1961

 
Última atualização: maio/2016
© Desde 2008 | POR COLEÇÃO DE CLUBES | criado por www.casadaideia.com.br - Todos os direitos reservados.