Estado:

Espirito Santo
Divisão:

Primeira Divisão

Cachoeiro do Itapemirim (ES)
Cidade

16/jan/1916
Data de Fundação

Profissional
Situação da Equipe

Estadual

Reputação


Estrela

Mascote

Estrela do Norte

Estrela do Norte Futebol Clube
Web: www.estreladonortefc.com.br

A primeira sede, segundo os arquivos, foi onde é hoje, o Tiro de Guerra e o primeiro campo foi no pátio do Liceu Muniz Freire, zona norte da cidade, daí o nome Estrela do Norte. As primeiras cores eram verde e amarelo. Foi o primeiro campeão Sulino de profissionais.
Em 1996, o Estrela foi notícia devido a publicação na Revista Placar sobre "o menor campeonato do mundo", o Campeonato Capixaba da 2ª Divisão, que teve o Alvinegro campeão, e o SC Capixaba como o vice-campeão.
Uma dos maiores feitos do Estrela do Norte, foi no ano de 2005, quando jogou pela primeira vez a Copa São Paulo de Futebol Júnior, onde derrotou a equipe do São Paulo pelo placar de 2x1. A equipe do Estrela do Norte não conseguiu se classificar, ficando em 3ª lugar no seu grupo.
Jogou a final do Campeonato Capixaba da 2ª Divisão de 2010 contra o Aracruz e, apesar de ter perdido o título, Estrela e Aracruz subiram para a Primeira Divisão de 2011. Porém, devido a problemas jurídicos, perdeu a vaga e não pôde participar em 2011. Foi vice-campeão da 2ª Divisão do Capixaba de 2012 e juntamente com a Desportiva Ferroviária, subiu para a Primeira Divisão de 2013, terminando com o vice-campeonato depois de levar um gol aos 49 minutos do segundo tempo.
No Campeonato Capixaba de 2014, se classificou para as semifinais e enfrentou a equipe do São Mateus. O Estrela do Norte perdeu em casa por 2x1, mas no jogo de volta, o Estrela do Norte goleou por 3x0. Com esses resultados, se classificou para sua sexta final, contra a equipe do Linhares FC. Diferente das demais vezes, sagrou-se campeão, após um empate sem gols no jogo de ida, e uma vitória por 1x0 no jogo de volta.
Participou do Campeonato Brasileiro da Série D pela primeira vez e somou 12 pontos ao final, ficando em 3º colocado no Grupo A5, não obtendo a classificação.
Em 2015, o Estrela do Norte, passou para a segunda fase da Copa Verde, derrotando nos pênaltis a equipe goiana do Luziânia pelo placar de 4x3. Nos dois confrontos ocorreram empates de 1x1. Foi a primeira vez que uma equipe capixaba passa da primeira fase na Copa Verde. Na segunda fase, foi eliminado pela equipe do Cuiabá.
Na Copa do Brasil, no primeiro jogo o Estrela derrotou a equipe do Sampaio Corrêa pelo placar de 3x2. No segundo jogo o Estrela foi derrotado por 4x1 no Castelão. Em comemoração ao aniversário de 100 anos de fundação, olançou uma revista comemorativa, inspirada na história do clube. Além disso, o especial tem depoimentos de ex-jogadores e ex-presidentes e o título inédito do Campeonato Capixaba de 2014.
No ano do centenário, o Estrela do Norte faz um campanha irregular no Capixabão e é rebaixado para a Série B de 2017.
Seu grande rival é o Cachoeiro Futebol Clube, com quem faz o grande clássico da maior cidade do interior e da região Sul Capixaba.


Uniformes

Estádio
Sumaré
Estádio Mário Monteiro
Cachoeiro de Itapemirim (ES)

5.000 pessoas
Capacidade
Década de 30
Inauguração
104 x 70 m
Gramado
Próprio
Proprietário
 
 

Títulos

Estaduais:
1 Campeonato Capixaba: 2014
2 Campeonatos Capixaba da Série B: 1996, 1999
3 Copas Espírito Santo: 2003, 2004, 2005
6 Campeonatos Sulino: 1954, 1955, 1964, 1965, 1966, 1968
3 Taças Newton Braga: 1963, 1964, 1965
5 Vices Campeonatos Capixaba: 1987, 2003, 2004, 2005, 2006
2 Vices Campeonatos Capixaba da Série B: 2010, 2012

Categorias de base:
2 Campeonatos Capixaba de Juniores: 1991, 2004
1 Campeonato Sulino de Juniores: 1982
2 Campeonatos Sulino Juvenil: 1996, 1997
1 Campeonato Sulino Infantil: 1997

 
Última atualização: julho/2016
© Desde 2008 | POR COLEÇÃO DE CLUBES | criado por www.casadaideia.com.br - Todos os direitos reservados.