Estado:

Pará
Divisão:

Primeira Divisão

Cametá (PA)
Cidade

22/jun/2007
Data de Fundação

Profissional
Situação da Equipe

Estadual

Reputação


Mapará

Mascote

Cametá

Cametá Sport Club
Web: www.cametasc.com.br

Em meados de 2007, um grupo de empresários cametaenses, interessados em fundar um clube de futebol na cidade, promovem uma reunião. Sem experiência no ramo e também sem o dinheiro necessário para regularizar uma equipe profissional, o grupo fecha um acordo com o Clube Atlético Vila Rica, de Belém, criando o Vila Rica/Cametá.
A parceria começou a render frutos imediatamente. No mesmo ano, a equipe já foi campeão da 2ª Divisão estadual, vencendo cinco dos seis jogos disputados. Em 2008, venceram também a primeira fase do Parazão, o chamado torneio de acesso à fase principal, de forma invicta, com seis vitórias e dois empates. Ficou na frente de clubes favoritos, como Águia de Marabá, São Raimundo e Castanhal.
Na elite do futebol paraense, o Vila Rica/Cametá não fez feio e, por pouco, não se classificou para as semifinais. Terminou o primeiro turno na 5º colocação empatado em pontos com o Águia, mas ficando atrás nos critérios de desempate. Não conseguiu manter o mesmo nível no segundo turno e terminou a competição em 6º lugar no quadro geral.
Ao término do Parazão 2008, o Cametá conseguiu sua independência. O clube encerrou sua parceira com o Vila Rica e, no dia 27 de junho de 2008, Cametá tinha, oficialmente, seu primeiro clube de futebol profissional, que adotou as cores da bandeira do município para o novo uniforme.
Porém, no ano seguinte, como era um novo clube, teve que começar do zero, disputando novamente a segundinha. Apesar de ter terminado na 3º colocação, a sorte estava do lado do Cametá. O Santa Rosa, vice-campeão, desistiu de disputar a 1ª divisão, entregando a vaga ao Cametá.
Em 2010, o Cametá conquistou de forma invicta a seletiva para a divisão de elite do paraense, com seis vitórias e cinco empates. Na segunda fase, conseguiu se classificar para a semifinal do segundo turno, mas foi eliminado pelo Águia de Marabá. No geral, terminou o torneio em 4º lugar. Com a desistência das equipes de Roraima, o Cametá garantiu classificação para a Série D de 2010. Porém, foi eliminado ainda na primeira fase.
Ainda em crescente evolução, manteve a base do ano anterior para o Parazão 2011. O Cametá chegou à final dos dois turnos, mas perdeu ambas, para Paysandu e Independente.
O ano de 2012 confirmou o Cametá como uma nova força futebolística do Pará. A equipe manteve-se no topo durante todo o primeiro turno, e ao chegar em sua terceira final de turno consecutiva, conquistou a Taça Cidade de Belém sobre o Águia de Marabá. Apesar de uma má performance no segundo turno, o Cametá venceu o Remo na final do Parazão 2012. O Cametá se tornava o sexto time a se sagrar campeão paraense. Por não conseguir arcar com as despesas, o Cametá desistiu da Série D 2012, cedendo sua vaga ao Remo.


Uniformes

Estádio
Parque Bacurau
Estádio Orfelino Martins Valente
Cametá (PA)

5.000 pessoas
Capacidade
Desconhecida
Inauguração
100 x 70 m
Gramado
Municipal
Proprietário
 
 

Títulos

Estaduais:
1 Campeonato Paraense: 2012
1 Campeonato Paraense - 1ª Fase: 2010
1 Campeonato Paraense - 1º Turno: 2012

 
Última atualização: fevereiro/2016
© Desde 2008 | POR COLEÇÃO DE CLUBES | criado por www.casadaideia.com.br - Todos os direitos reservados.