Estado:

Sergipe
Divisão:

Série A1

Itabaiana (SE)
Cidade

10/Jul/1938
Data de Fundação

Profissional
Situação da Equipe

Regional

Reputação


Tremendão/Cebola

Mascote

Itabaiana

Associação Olímpica de Itabaiana
Web: www.aoitabaiana.com.br

Diferente de muitas equipes que originaram-se de dissidências de outras, o Itabaiana formou-se de uma junção entre duas agremiações amadoras da cidade: o Brasil Football Club e o Balípodo Club Santa Cruz. O objetivo da fusão era manter uma frequência de atividades esportivas, já que estes dois clubes apareciam e desapareciam constantemente e não tinham um calendário fixo.
Desta forma, em 1938 foi fundado um novo time que inicialmente recebeu o nome de Botafogo Sport Club, que durou apenas três meses, pois o nome não adquiriu a simpatia. Assim no dia 6/out/1938, o time serrano passou-se a chamar Itabaiana Sport Club. A mudança definitiva para Associação Olímpica de Itabaiana ocorreu no início da década de 1950.
O primeiro título veio em 1953 ainda como clube amador. Em 1960, o profissionalismo chega ao futebol sergipano, ocasião em que se consolidavam definitivamente os grandes clubes: Itabaiana, Sergipe e Confiança. O primeiro título de campeão sergipano de profissionais viria no ano de 1969 no antigo Estádio Etelvino Mendonça.
Em 1971, o regulamento do Campeonato Sergipano foi alterado em pleno andamento. A competição deveria ser realizada em dois turnos, como o Itabaiana havia sido campeão do primeiro turno e liderava o segundo com folgas, houve uma reunião na FSF, onde foi mudada a fórmula do campeonato: deveria haver um terceiro turno, e o campeão deste decidiria o título com o Tremendão numa melhor de três. Resultado: Sergipe campeão do terceiro turno. Melhor de três com dois jogos no Batistão e um no Médici.
O ano era 1973, Sergipe e Itabaiana novamente na final: Dois jogos no Batistão e apenas um no Médici. No primeiro jogo, no Batistão, o Tricolor é prejudicado pela arbitragem e o Sergipe vence. Segundo jogo, no Médici: Vitória do Itabaiana. Terceiro jogo, no Batistão: A Associação Olímpica de Itabaiana exige árbitro de fora do estado e é campeão dentro do Batistão em cima do Sergipe. Foi a primeira vez que um clube sergipano exigiu arbitragem da FIFA.
O Itabaiana foi pentacampeão do estado de 1978 a 1982. Em todos os jogos das finais foi exigida arbitragem da FIFA.
O segundo título estadual seria conquistado no ano de 1973, em pleno estádio Lourival Batista, na capital. Mas foi entre o final da década de 70 e inicio da década de 80 (78, 79, 80, 81 e 82) que o Itabaiana consolidaria sua hegemonia no futebol do Estado, conquistando um inédito pentacampeonato. Um jejum de 15 anos ocorreu até o próximo título em 1997, quando o Itabaiana derrotou o Confiança, em pleno Batistão. Em casa, no Estádio Presidente Médici, o primeiro título de campeão sergipano seria conquistado em 2005, numa vitória sobre o rival do interior, o Lagartense



Uniformes

Estádio
Presidente Médici
Estádio Presidente Emílio Garrastazu Médici
Itabaiana (SE)

11.224 pessoas
Capacidade
1971
Inauguração
110 x 70 m
Gramado
Governo SE
Proprietário
 
 

Títulos

Regional:
1 Copa do Nordeste: 1971

Estaduais:
10 Campeonatos Sergipano: 1969, 1973, 1978, 1979, 1980, 1981, 1982*, 1997, 2005 e 2012
* Dividido com o Sergipe.
2 Copas Governo do Estado de Sergipe: 2006 e 2007
1 Torneio Seletivo de Sergipe: 1971
1 Taça Aracaju: 2012

Outras Conquistas:
1 Campeonato da Zona Centro de Sergipe: 1959
1 Torneio Quadrangular Aristotelino Cruz: 1978

Categorias de Base:
2 Campeonatos Sergipano de Juniores: 2002 e 2004
1 Campeonato Sergipano Sub-19: 2014
1 Copa Interestadual Águas de Lindóia Sub-19: 2014
1 Campeonato Sergipano Sub-15: 2014

 
Última atualização: março/2016
© Desde 2008 | POR COLEÇÃO DE CLUBES | criado por www.casadaideia.com.br - Todos os direitos reservados.