Estado:

Tocantins
Divisão:

Primeira Divisão

Palmas (TO)
Cidade

31/jan/1997
Data de Fundação

Profissional
Situação da Equipe

Regional

Reputação


Arara azul

Mascote

Palmas

Palmas Futebol e Regatas
Web: www.palmasfr.com.br

Foi fundado com o empréstimo da documentação da SE Canela, equipe amadora do distrito de Canela fundada em 1991, que já estava regularizado junto a Federação Tocantinense.
O Palmas foi a primeira equipe de futebol profissional a surgir na capital. Sua primeira partida oficial ocorreu em 1997, na primeira rodada do Campeonato Tocantinense, quando foi derrotado pelo Interporto por 2x1. O clube terminou o campeonato na 5ª colocação. Porém, na Copa Tocantins, o Palmas chegou até as semifinais, sendo derrotado nos pênaltis pelo Alvorada.
O primeiro título do Campeonato Tocantinense foi em 2000. Com uma campanha invicta, o Palmas foi o 1º colocado da primeira fase. Na semifinal, desbancou o Gurupi. Na primeira partida da decisão, em Porto Nacional, o Palmas foi derrotado pelo Interporto por 3x1. No segundo jogo, no campo da 407 norte (Arno 43), em Palmas, reverteu a situação, 2x0. Três dias depois, as equipes voltaram a se encontrar na Capital, para a realização de um jogo extra. O Palmas venceu por 2x0.
No ano seguinte, o Palmas chegou ao bicampeonato. Nas quartas-de-final, duas goleadas para cima do Clube dos XXX, 4x0 e 7x0. Novamente o Gurupi na semifinal. O adversário da final foi o Tocantinópolis e o título só foi obtido através das cobranças de pênaltis, após dois empates em 1x1. Em 2002, Palmas e Tocantinópolis voltaram a se enfrentar na final, mas, desta vez, o Palmas foi o vice campeão. No ano seguinte, o clube consolidou sua hegemonia no futebol tocantinense, com a conquista do terceiro título. Em Gurupi, vitória tricolor por 2x1. Na Capital, o Palmas também venceu, 3x1. Com o título, o Palmas tornou-se o clube com mais conquistas estaduais desde então.
A quarta conquista viria em um ano que entrou para a história do clube. Em 2004, o Palmas conquistu o título estadual ao vencer o Araguaína por 2x0 e 1x1, e faturando o quinto título do Campeonato Tocantinense. Em 2009, contra o mesmo adversário, foi vice-campeão.
Na Copa do Brasil, o clube fez a melhor campanha de uma equipe tocantinense em competições nacionais. Eliminou grandes equipes, batendo o Clube do Remo na primeira fase e o Nacional do Amazonas na segunda, na terceira fase eliminou o Gama. Foi eliminado apenas nas quartas-de-final pelo 15 de Novembro de Campo Bom. Com a eliminação, o Palmas, tem a melhor campanha tocantinense na história da Copa do Brasil, e a segunda melhor do Norte. Naquele ano, o clube ficou na 7º colocação geral.
O ano de 2010 foi o pior da história do Palmas, quando foi rebaixado para a Segunda Divisão. Naquele ano, oito clubes disputaram o Campeonato Tocantinense, o Palmas venceu apenas um jogo e foi eliminado na primeira fase, terminando o torneio em último lugar. No mesmo ano, o Palmas retornou à elite do futebol tocantinense, ao ser finalista da Segunda Divisão. Porém, perdeu o título para o Guaraí.
Em 2012, o clube não escapou do seu segundo rebaixamento, terminando o campeonato em último lugar com apenas 4 pontos. O clube retornou à primeira divisão graças ao vice campeonato da 2ª Divisão, disputada no segundo semestre.
Em 2016, termina o Campeonato tocantinense na 8ª e última colocação, sendo assim rebaixado para a 2ª Divisão.



Uniformes

Estádio
Nílton Santos
Estádio Nílton Santos
Palmas (TO)

12.000 pessoas
Capacidade
2000
Inauguração
105 x 70 m
Gramado
Governo TO
Proprietário
 
 

Títulos

Estaduais:
5 Campeonatos Tocantinense: 2000, 2001, 2003, 2004 e 2007
2 Campeonatos Tocantinense de Juniores: 2001 e 2002
3 Vices Campeonatos Tocantinense: 1998, 2002 e 2009
5 Vices Campeonatos Tocantinense da 2ª Divisão: 2010 e 2012

 
Última atualização: julho/2016
© Desde 2008 | POR COLEÇÃO DE CLUBES | criado por www.casadaideia.com.br - Todos os direitos reservados.